Depois de se formar bacharel no Colégio Pedro II, do Rio de Janeiro, o poeta Álvares de Azevedo voltou para a cidade natal, São Paulo, a fim de estudar Direito. Nesta carta, escrita pouco depois de seu ingresso na faculdade, cria toda a atmosfera sombria que desenvolveria na peça Macário, de 1852. A descrição que faz aqui das ruínas vistas durante um passeio noturno em direção à cidade litorânea de Santos é muito semelhante à da peça.

São Paulo, 20 de julho de 1848

…Cartas de Álvares de Azevedo. Comentários de Vicente de Azevedo. São Paulo: Biblioteca Paulista de Letras, 1976, pp. 99-100. [1] N.S.: Olímpia Coriolano da Costa, mulher do poeta Gonçalves Dias….

A viagem que Lucio Costa fez à Europa em 1926 era, segundo ele próprio, menos para estudo do que “por motivos sentimentais insolúveis”. Sua descrição da ilha do Maio, nesta carta, impressiona pelos detalhes de beleza geográfica e pela prosa atraente.

Bordo do Bagé, 6 de outubro de 1926

…se doura. Desce aos poucos o Sol. E o ouro aos poucos sobre tudo se espalha. Lucio Costa. Registro de uma vivência. São Paulo: Empresa das Artes, 1995, p. 35….

A viagem que Lucio Costa fez à Europa em 1926 era, segundo ele próprio, menos para estudo do que “por motivos sentimentais insolúveis”. Ainda assim, a análise que faz do caráter do povo italiano e a descrição de cidades como Veneza e Florença resultam em prosa das mais sedutoras.

Florença, 22 de dezembro de 1926

…gritante e excessivo que desafina com o resto. Tão vermelhos que podem dispensar a buzina, pois de longe e de costas sente-se uma espécie de halo escarlate quando um deles…

No dia 8 de março de 1500, Pedro Álvares Cabral partiu de Lisboa com treze naus a caminho das Índias e terminou por desembarcar no Brasil em 22 de abril daquele ano. A mudança na rota descortinou ao mundo terras então desconhecidas. Nesta carta histórica, o escrivão da frota, Pero Vaz de Caminha, descreve os acontecimentos da viagem e a nova terra ao rei de Portugal.

Porto Seguro, 1º de maio de 1500

…juntado ali, pouco a pouco. […] E, velejando nós pela costa, acharam os navios pequenos, mais ou menos a dez léguas do lugar onde tínhamos levantado ferro, um recife com…

No dia 24 de julho de 1859, um barco francês que vinha de Argel desembarcou em Fortaleza, no Ceará, trazendo catorze camelos. A ideia de substituir bois pelos exóticos animais foi do barão de Capanema e do poeta Gonçalves Dias, integrantes da Comissão Científica de Exploração, patrocinada por dom Pedro II e depois, por seu insucesso e desperdício de gastos, conhecida como Comissão das Borboletas. A substituição, ridicularizada por ter provocado a morte de um dos animais, gerou polêmica, como mostra esta carta de Gonçalves Dias ao sogro, a quem trata por pai. O poeta integrou a comitiva na condição de etnógrafo, conforme se lê em artigo da Brasiliana Iconográfica

Ceará, 20 de abril de 1859

…à família Costa o obséquio que por nossa conta prestou ao pobre Assis. Agora, isto é, neste mesmo momento, recebo a sua de 6 de abril, a que respondo um…