Na década de 1960, a dupla Manuel Bandeira e Carlos Drummond de Andrade se articulava para organizar e publicar uma “certa antologia” que incluiria um texto de Antônio Maria. Apesar de o projeto não ter avançado, o cronista pernambucano, emocionado, se dirige ao poeta itabirano nesta carta-crônica.

…a secretária, Dona Verinha) chegou para trabalhar, fiz a pergunta, em tom da mais falsa e feliz naturalidade: – Sabem quem me telefonou, hoje, de manhã? Carlos Drummond de Andrade….

…o motivo para a emigração. Escrevendo à mãe em tom confessional, a linguagem do ex-torturador não é menos crua do que as outras histórias do romance, uma vez que sua…